Header Ads

"Meu negócio é fazer palhaçada", diz Dani Calabresa, nova contratada do "CQC"


NT

“A única coisa que deu certo no MERCOSUL foi o CQC”. Com essa frase, se referindo ao formato original do programa, que é argentino, Marcelo Tas arrancou risadas de todos os convidados presentes na coletiva de imprensa, que aconteceu nessa terça-feira (12) em São Paulo, para apresentar as novidades do "CQC" em 2013, na Band. O NaTelinha esteve na cobertura.

A sexta temporada estreia na próxima segunda-feira (18), às 22h30, e promete ser a mais apimentada de todas. Além de uma injeção no orçamento, o "CQC" ganha também novos integrantes, como a talentosa comediante Dani Calabresa, ex-MTV.

De acordo com Tas, os outros repórteres que farão parte do grupo só deverão ser apresentados após o dia 25.

“É muita novidade junta para ser desperdiçada logo de cara... vamos indo aos poucos. Nos primeiros programas já teremos a Dani, novos quadros e um cenário maravilhoso como surpresa. Temos matérias incríveis para apresentar, estamos gravando desde janeiro. Aliás, acho que nem iremos mais tirar férias, porque aconteceu tanta coisa na nossa ausência... até o Papa resolveu renunciar", disse ele.

O líder do "CQC" também falou sobre a presença do programa na Câmara dos Deputados". "Quero dividir com todos também a minha felicidade em poder voltar a gravar na Câmara dos Deputados. Nosso trabalho em Brasília é importantíssimo não só no que diz respeito ao humor, mas principalmente pelo lado jornalístico do ’CQC’. Só que precisaremos estabelecer uma nova forma de conversar com os políticos porque eles próprios já estão sabendo como lidar com a gente. E não queremos ser amiguinhos de ninguém, nosso objetivo no Congresso é mostrar a realidade, é fazer um jornalismo real e limpo”, desabafou.



A bancada continuará sendo formada por Marcelo Tas, Marco Luque e Oscar Filho. Já na equipe de reportagem teremos Felipe Andreoli, Maurício Meireles, Mônica Iozzi e Ronald Rios.

Dani Calabresa terá a missão de transformar as principais notícias da semana em esquetes, fará imitações e receberá celebridades todas as semanas, não só da casa mas também de outras emissoras.
http://natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130312170704.jpg
“A minha alegria foi enorme quando a Band me chamou para conversar. Eu simplesmente adoro essa turma do ’CQC’, só que por enquanto prefiro não entrevistar político nenhum, meu negócio é fazer palhaçada, imitar os outros, brincar bastante. Sou meio ‘goiabona’ para falar sério”, disse ela.

Quando questionada sobre um possível ciúme do marido Marcelo Adnet - recentemente contratado pela Globo - por ela trabalhar ao lado de tantos homens, respondeu: “Gente, meu casamento é perfeito. Com ele tenho tudo o que um marido pode oferecer à esposa... companheirismo e ereções”, disse gargalhando.



E quem pensa que Mônica Iozzi está se sentindo ameaçada pela nova companheira, se engana. Até então única figura feminina do "CQC", ela está radiante com a entrada de Dani. “Eu nem acredito que agora terei com quem conversar sobre assuntos importantes como cabelos, unhas, roupas, batons, dietas... é bom demais! E, falando sério, não aguentava mais só escutar aqueles homens falando da bunda de uma, do peito da outra... essa é gostosa, aquela não é... e outras ‘coisitas’ mais”, brincou.


Por Carla Soltanovitch, do NaTelinha
Tecnologia do Blogger.