Header Ads

Pastor Marco Feliciano desiste de processar Xuxa: "Já passou"


NT
Eleito presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP) desistiu de processar a apresentadora Xuxa Meneghel.

Em seu perfil oficial no Twitter, Marco escreveu: "Ao assunto da senhora Xuxa Meneghel, alguém q tivemos fora injustiçada e caluniada, inclusive como estou sendo. E por isso não moverei ação nenhuma contra ela. O tempo mostrará q fui vitima de calunias. Pois sei q ela é sensata e do bem. Deus a abençoe. Nunca em toda minha vida processei alguém. Foi um momento de angustia. Já passou. Vamos em frente! Um abraço a todos".

Entenda

Marco Feliciano recebeu milhares de críticas nos últimos dias referentes a declarações envolvendo homofobia e racismo. Xuxa foi uma das celebridades que reclamou do deputado.

Diante de tantos protestos, Marco Feliciano foi ao Twitter no último domingo (10) desabafar e falou da apresentadora. "E sobre o que disse Xuxa, minha assessoria jurídica prepara o processo. Durmam em paz."

Na sexta-feira (08), Xuxa escreveu em sua página no Facebook: "Gente !!!! socorro ! Vamos fazer alguma coisa! esse deputado disse que negros, aidéticos e homosexuais não tem alma. existem crianças com AIDS. Para este senhor elas não tem alma?????? O que é isso meu povo? Esse homem não é um religioso, é um monstro .Em nome de DEUS ele não pode ter poder".

No Twitter, o pastor revelou estar sofrendo perseguições. "Hoje eu vi a intolerância encarnada. Minhas filhas pequenas de 10 e 11 anos chorando e se agarrando a mim dizendo vão nos machucar papai?".

Marco Feliciano também garantiu que não vai renunciar ao cargo de presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputado: "Prometeram fazer isso [ataques] em todos os cultos até eu renunciar. Mas não o farei! Já estou com um dossiê pra entregar à Polícia Federal com dezenas de páginas impressas com ameaças de morte. Me ajudem em oração!".
Tecnologia do Blogger.