Header Ads

Datena perde o controle e ataca Montenegro: "Covarde, sem-vergonha, safado"

NT

Atravessando uma má fase na disputa pelos números de audiência desde que o "Cidade Alerta", de Marcelo Rezende, passou a ganhar força, no começo deste ano, José Luiz Datena perdeu o controle ao vivo na edição do "Brasil Urgente" desta quarta-feira (14).

Ao ver que Rezende estava dando índices maiores com a exibição de uma reportagem gravada enquanto ele exibia uma matéria sobre o mesmo assunto e ao vivo, o apresentador esbrevejou no ar.

"Você tá vendo um depoimento ao vivo da mãe... No mesmo momento tem outra televisão gravada, com a mesma mãe. (...) E de repente essa porcaria desse Ibope dá uma audiência desgraçada pra outra televisão. E aí você reclama aqui e o cara abaixa sua audiência", disse Datena.


Datena se irrita com resultado de pesquisa sobre protesto; assista Datena sobre saída de Gugu: "Fez bem em deixar a Record" Marcelo Rezende fala palavrão ao vivo no "Cidade Alerta"; assista
"Tinha que ter uma auditoria em cima desse instituto. Não é possível! (...) Como é que o canalha explica uma coisa dessas? (...) Daqui a pouco ele me dá 1 ponto de audiência e eu tenho que calar a boca, ficar quieto. Mas não fico quieto mesmo! Covarde, sem-vergonha, safado! Aqui pra você, ô vagabundo!", completou o âncora.

Embora não tenha dado nomes a nenhuma das partes, Datena fez uma clara menção ao "Cidade Alerta" e a Carlos Augusto Montenegro, presidente do Ibope. Esta não foi a primeira vez que o âncora do "Brasil Urgente" criticou a audiência e credenciou seus baixos números ao executivo.

O "Brasil Urgente" vem oscilando entre 3 e 5 pontos de média ante 9 a 11 do "Cidade Alerta". O melhor dia do noticiário da Band tem sido o sábado, onde tem marcado índices na casa dos 5 pontos e sempre na disputa pela vice-liderança.

A Record já cogitou lançar uma edição do "Cidade" aos sábados mas desistiu dias depois.
Tecnologia do Blogger.