Header Ads

Jornalísticos impulsionam crescimento da Record no horário nobre

A apresentadora Adriana Araújo, do "Jornal da Record"F5

O crescimento dos jornalísticos está impulsionando a audiência da Record no horário nobre.

Ancorada principalmente nos bons números do "Cidade Alerta" e do "Jornal da Record", a emissora está comemorando um crescimento de 11% na faixa que vai das 18h à meia-noite.

No mês passado, nesse horário, a emissora registrou média 8,8 pontos (cada ponto corresponde a 62 mil domicílios na Grande São Paulo), contra 7,9 pontos de ibope, em junho.

De janeiro a julho, os dois programas tiveram um aumento expressivo no número de telespectadores.

Além do crescimento do programa policial de Marcelo Rezende (de 7,5 para 10 pontos), o "Jornal da Record" pulou de uma média 5,8 pontos em janeiro para 8 pontos em julho.

Na média dia (7h à meia-noite), a Record aparece à frente do SBT apenas nas casas decimais. As médias ficaram em 6,4 e 5,7, respectivamente. Arredondando, ambas as emissoras ficariam com 6 pontos.

O mesmo ocorre com a média das 24 horas, em que a Record aparece com 5,2 pontos e o SBT com 5 pontos. Ambas estariam empatadas com 5 pontos.
Tecnologia do Blogger.