Header Ads

Fãs reclamam da Globo por transmissão reduzida de treino da F1: elitização

UOL Esporte

Detentora dos direitos de transmissão da Fórmula 1 no Brasil, a TV Globo decidiu não passar o treino oficial na íntegra neste sábado. Para acompanhar a sessão que definiu o grid de largada do GP da Alemanha, o fã precisou recorrer à TV por assinatura. O Sportv, canal que pertence às Organizações Globo, exibiu o treino em sua totalidade.

Galvão Bueno voltou ao ar depois da Copa do Mundo e entrou no ar na metade da segunda parte do treino oficial, destacando o acidente que o inglês Lewis Hamilton sofreu no Q1. Apesar disso, em momento algum fez referência à transmissão parcial da emissora.

A mudança chamou a atenção dos fãs da categoria na internet. Alguns criticaram a “elitização” da Fórmula no 1 no Brasil. “Quer dizer que a Rede Globo só vai transmitir parte do treino da F1 a partir de hoje? Uma pena para os que são fãs e não possui o SporTV” lamentou um internauta. “O Sportv anuncia que a classificação será permanente no canal, ou seja, a Rede Globo vai parar de passá-los. É a F1 elitizada no Brasil”, reclamou outro fã.

Por outro lado, a equipe de transmissão do Sportv, composta pelo narrador Sérgio Maurício, o comentarista Lito Cavalcanti e o automobilista Max Wilson foi elogiada.
“Show de informação, como sempre, na transmissão do treino. Enquanto na Globo não fala nada de importante”, disse um telespectador.

Embora esteja em baixa, a audiência da Fórmula 1 no Brasil ainda é a maior do mundo. Relatório da FOM, entidade que gerencia a categoria, divulgado no fim do ano passado mostrava que a competição tinha cerca de 77 milhões de telespectadores no país.

Correndo em casa, o alemão Nico Rosberg, da Mercedes, conseguiu sua quinta pole position no ano e largará à frente de Bottas e Massa, ambos da Williams. A corrida está marcada para domingo, às 9h (horário de Brasília).
Tecnologia do Blogger.