Header Ads

Globo e SBT proíbem Alexandre Frota em programas


F5
O ator e apresentador Alexandre Frota está literalmente banido da Rede Globo de Televisão e do SBT.

O nome dele está em uma sigilosa lista nominal de convidados vetados em participar de quaisquer programas do sistema Globo de TV ou rádio.
Alexandre Frota no intervalo de gravação da " A Praça é Nossa" na sede do SBT em Osasco
Nada de entrevistas, nada de convites para quadros, e tampouco informações sobre eventuais trabalhos do ator, seja em outras emissoras ou mesmo no teatro. No SBT, a mesma coisa.

GUANTÁNAMO

É muito raro a Globo colocar um artista em uma lista de vetos. Só que Frota mexeu com gente "da pesada" na casa. Primeiro, causou furor ao declarar que quem inventou a mentira, na década de 80, de que o ator Mário Gomes havia sido internado com uma cenoura no ânus foi o diretor Daniel Filho —em vingança pelo fato de Gomes ter saído com um caso do diretor. "Isso nunca aconteceu, é uma mentira completa para humilhar um desafeto", declara Frota a este colunista.

DEPOIS...

...Frota denunciou que a ex-BBB Aline já teria participado de vários programas da Globo antes do reality, com o nome de Liz Moraes, e que ela teria um tórrido caso de amor com um funcionário da Globo ligado a Boninho (diretor do "BBB"). Isso provaria que o reality é um jogo de cartas marcadas (ah, vá!).

DESTERRADO

Por fim, em seu recente espetáculo "Identidade Frota", apresentado em teatros de São Paulo (um misto de teatro e stand-up), o ator afirma que um diretor da Globo tentou "traçá-lo". A peça está em cartaz itinerante, em cidades do Estado.

QUANTO AO SBT...

No SBT, Frota também recebeu cartão vermelho, mas não de Silvio Santos. Quem vetou Frota foram diretores que fazem o possível para "blindar" Silvio de novos amigos. A pauta do "The Noite" já foi avisada para não colocar Frota na lista de possíveis convites. Esses diretores, há anos, tentam impedir qualquer pessoa de se tornar íntima do patrão. E foi o que aconteceu com Frota anos atrás, quando foi trabalhar na diretoria do SBT. Esses diretores, sempre que podem, não deixam ninguém chegar perto de Silvio. Motivo? Digamos que seja "reserva de mercado".


FALANDO EM SBT...

Carlos Alberto de Nóbrega ficou com os olhos marejados quando recebeu um presente de Cesar Filho, meses atrás: o registro do nome "Praça da Alegria" para uso em TV e até internet. O nome havia sido comprado por terceiro havia anos. Cesar esperou, esperou e descobriu que a marca havia sido abandonada após o vencimento do registro. Correu para comprá-la e deu de presente a Nóbrega.

REGISTRADO

Por sinal, a ESPN Brasil deveria ficar espertinha com o nome de 486 de seus programas, batizados todos de "Bate-Bola" (1ª, 2ª. 5ª, 8ª. 11ª edição etc.). O registro desse nome para uso em TV também pertence, há anos, a Cesar Filho. Mas, pacífico, ele não pretende cobrar nada do canal esportivo.


A GRAMA DO VIZINHO

A Globo que trate de abrir seus olhos, porque a performance da bonita e simpática Fernanda Gentil na Copa do Mundo chamou a atenção de muita gente na concorrente Record. O nome de Fernanda tem sido citado a granel na emissora da Barra Funda, apontado como um novo talento em comunicação. Não é bem novo, certo? Fernandinha já é sucesso de público e crítica há anos nos canais SporTV.

OS SEM-COPA

Dados de ibope comparativos entre maio e junho mostram que a Record se solidificou na vice-liderança isolada em todas as faixas horárias. Vejam os números de junho:

Das 7h às 12h

Globo - 7,1 pontos
Record - 4,9 pontos
SBT - 3,8 pontos

Das 12h às 18h

Globo - 14,7 pontos
Record - 5,8 pontos
SBT - 5,1 pontos

Das 18h à 0h

Globo - 21,8 pontos
Record - 7,9 pontos
SBT - 7,4 pontos

Cada ponto = 65 mil domicílios na Grande São Paulo

PONDERAÇÕES

Os números mostram que a aposta do SBT em desenhos já não surte mais efeito algum. Pelo contrário. Ao que parece, como todas as demais TVs abertas pararam de se importar com o público infantil, a molecada migrou de vez para a TV por assinatura. E não pretende voltar.

FALANDO NISSO...

Record e RedeTV! estão numa rara fase de simpatia mútua. As emissoras estão liberando mutuamente seus artistas para participar de quadros na concorrente. Neste sábado, é a vez de Luciana Gimenez participar de quadro do "Programa da Sabrina". Luciana, inclusive, vai falar sobre Adriane Galisteu.


FALANDO NELA...

Foi a própria Luciana quem avisou Mick Jagger que ele estava sendo "cornetado" pela torcida brasileira, como responsável pela goleada de 7 a 1 sofrida no jogo contra a Alemanha. Jagger, que estava passando uns dias com o filho de ambos, Lucas, rebateu com a famosa flema britânica: "Como eu posso ser culpado? Eu estava na arquibancada, não dentro do campo".

MUDANÇA DE TOM

Aliás, nada como uma derrota acachapante para fazer não só os jogadores, mas também a imprensa televisiva (aberta) mudar o tom da cobertura da Copa. É impressionante a mudança de "coloração" de Galvão Bueno e companhia, na Globo, entre o antes e o depois da Alemanha. O mundo colorido da cobertura global deu lugar a repetidas palavras como "humilhação", "vexame" e "vergonha".

O HERDEIRO DE MÃE DINAH

Nada de capivaras curitibanas videntes ou moluscos mágicos. Celso Teixeira, diretor de Comunicação da Record, antecipou no dia 12 de junho, dia da partida Brasil 3 x 1 Croácia, que a final da Copa 2014 seria entre Argentina x Alemanha. Chegou a oferecer um par de ingressos para o jogo, como garantia. Há testemunhas.

VOLTA À REALIDADE

Terminada a Copa, no próximo domingo, o chamado "passaralho" vai sobrevoar praticamente todas as TVs abertas e fechadas que investiram na competição (mesmo que não tenham obtido o direito de exibir os jogos). Haverá demissões e dispensa de frilas em praticamente todos os canais abertos e pagos.

*
SOOOOOOOOOOBE

Salomão Schvartzman, na BandNews

Engraçado... A TV aberta se estapeia para descobrir novos astros, novos entrevistadores, vive copiando programas alheios e, quando tem um profissional de gabarito, que faz um excelente programa, o deixa confinado somente na TV por assinatura. É o caso de Salomão Schvartzman e seu ótimo talk-show, exibido apenas na Band News TV. Ótimas entrevistas, ótimos convidados, e tudo feito por um hostess que deixa as visitas falarem à vontade, que faz intervenções muito oportunas e só enriquece o conteúdo de cada programa. E é tão curtinho! Uma pena que não esteja disponível também para quem só tem TV aberta.

DEEEEEEEEEESCE

"Domingo Show", da Record

Impressionante o tempo gasto com o nascimento do filho do anão Marquinhos, no último domingo. Uma chamada em vinheta, "anunciando" o (sic) furo jornalístico do século, ficou quase duas horas no ar. Muita apelação, hein? Aliás, cabe perguntar: que obsessão é essa que a Record (e o SBT) tem por anões? E depois criticavam o "Pânico"...
Tecnologia do Blogger.