Header Ads

Quis esquecer que já montaram 'O Rebu', afirma Cássia Kis Magro

F5

Gilda (Cassia Kiss Magro)Em "O Rebu", Cássia Kis Magro é a advogada Gilda, principal parceira de Angela Mahler (Patrícia Pillar), anfitriã da festa onde se passa a trama.

Casada com o advogado Bernardo (José de Abreu), ela se envolve com o profissional de TI Bruno (Daniel de Oliveira), que usa o "affair" para se aproximar de Duda (Sophie Charlotte), por quem realmente é apaixonado.

A personagem não existia na primeira versão de "O Rebu" (1974) e a atriz optou por não assistir ou pesquisar sobre a obra original de Bráulio Pedroso.

"Não fui atrás da história, preferi negligenciar, quis esquecer que já montaram 'O Rebu'", disse a intérprete ao "F5".

A atriz considera o formato da história em três tempos —antes, durante e depois da festa— como trabalhoso e contou com o apoio da continuista para não se perder.

"No começo, eu pegava os capítulos, recortava e pregava na parede para ir editando, porque a história vai para frente e para trás e a gente ficava atrás da continuista", riu.

Mãe de quatro filhos, com idades ente 19 e 10 anos, Cássia brincou que ter filhos é arranjar uma encrenca para o resto da vida.

"Filho é uma encrenca. Maravilhosa, mas é uma encrenca. Você vai comprar o maior problema da vida, não existe igual e é para toda a vida. É um problema por que não dá para levar e levar para a vizinha" contou.

A atriz se diz chocada ao perceber como é difícil conciliar as diferenças entre os quatro filhos e como cada um exige uma forma de educação diferente. Perguntada sobre se algum deles pretende seguir carreira artística, ele destaca o mais velho, Joaquim, 19, e o mais novo, Miguel, 10, como fortes candidatos.

"Todo mundo canta, dança e assobia lá em casa, mas o mais velho é um grande ator, mas não sabe disso, e meu caçula é incrível", afirmou. "Se o mais velho tiver vontade de ser ator, eu disse para ele que terá que fazer o que eu mandar. Eu sou sua melhor escola. Você vai fazer o que eu mandar e vai trabalhar comigo."

"Mas ele não tem pressa, o que eu acho ótimo. E meu caçula é só alegria. Sete horas da manhã estávamos dançado na cozinha enlouquecidamente."
Tecnologia do Blogger.